top of page
  • Foto do escritorARCO

Fred Nicácio revela que já buscou a 'cura' para deixar de ser gay

O ex-BBB afirmou ainda que a dificuldade de aceitar sua sexualidade se deu por ter crescido em um ambiente religioso e conservador

O médico Fred Nicácio, ex-participante do BBB 23, falou sobre como foi a jornada de descoberta sobre sua homossexualidade, ainda quando adolescente. Ele revelou que na época vivia em um ambiente conservador evangélicoe que chegou a buscar "cura gay"por não aceitar sua sexualidade.


"Fui criado em Igreja Evangélica Batista, mas no fim da adolescência eu me entendi como um homem gay. A narrativa é de que a homossexualidade é pecado. Tentei buscar curas, até entender que eu era amado por Deus do jeito que sou. Foi dolorosa a ruptura", afirmou Nicácio em entrevista Canal Extra.


Foi nesse momento que o ex-brother encontrou a religiosidade de matriz africana e se aproximou do Culto de Ifá.


"Ao perceber que não tinha nada de errado comigo, comecei a abrir minha mente para outras coisas. Em 2021, uma amiga me convidou para conhecer o Culto de Ifá. Na primeira reunião, teve uma espécie de 'batismo' de um bebê, uma consagração para os orixás cuidarem dos caminhos dele, mas o que chamou minha atenção foi que os pais eram homens gays. Aquilo encheu meu coração, me senti acolhido", disse Fred na entrevista.


O médico ainda aproveitou para comentar sobre o episódio de intolerância religiosa que sofreu dentro do reality show da TV Globo.


"Foi desconfortável, até porque o que eles [os participantes do BBB 23 Cristian e Gustavo] fizeram se chama racismo religioso. É crime. E achei importante frisar isso [durante a participação no 'Domingão do Huck'], porque entra no que disse sobre minha missão. Eu sofri o racismo de forma explícita. E, ao abordar isso num horário nobre, domingo à tarde, fiz desse episódio uma utilidade pública. Falas como a deles aniquilam muita gente", enfatizou Nicácio.


Contudo, Fred ainda não sabe se irá prestar queixa contra os ex-colegas de confinamento. "Ainda é cedo, tem muita coisa para digerir", disse ele.



Por

iG Queer

|14/03/2023 11:20




Комментарии


bottom of page